4.13.2005

Continuemos sempre

Poeminha antigo, mas o título já diz tudo...


Continuemos sempre

Continuemos sempre,
De estrela em estrela, encontraremos o poema azul;
E em cada sonho novo, um novo verso que o componha;
Continuemos sim...
Nossas falhas não devem impedir nossos destinos;
E se os fios e o tear ainda nos pertencem;
É porque de fato, devemos continuar esta obra;
Bordar a alma num tapete de letras;

E não importa quão difícil seja esta tarefa:
Amar, mutar, metaforizar...
Continuemos sempre;
Voando nas cirandas das fábulas;
Criando mutações e metáforas;
E por que não, criando e recriando o amor?

Continuemos crendo que vamos mudar o mundo;
E assim, faremos desta árdua tarefa,
Uma brincadeira infantil e bela;
Onde o lápis, a varinha mágica;
E a vontade, o desejo eterno;
Nos fazem viajar aos mundos mais incríveis
Que o céu nos pôde conceber;

Continuemos Sempre!


Lara

PS:Ainda é quarta...que semana difícil...

Um comentário:

Yves disse...

Olá senhorita,
To passando aqui só pra dizer que to com saudades de nossas conversas e para dar sinal de vida mas aproveito pra informar que mudei de Blog e que o seu já está lá na listinha dele ;)
http://spaces.msn.com/members/superyves/