5.05.2005

+Palavras

Palavras e letras e chuvas caindo
Letras e sentidos e poemas ventando
Amores e vazios, palácios e cantos
Rancores e fomentos...
Fomentos.

Não, verso eu não tenho.

Nem melodias nem mesmo o ar me sobra,
Não sei se sou seca de aparência suave,
Ou suave e de feição profunda e seca.
Sinto que não bastaria saber disso,
Mas não basta esse ?senti somente?.

Sempre me falta algo.
Como o ultimo fôlego ansioso,
Antes de um mergulho longo e necessário.

Mas não há mergulho.

Amo sim, profundamente.
Contudo, a vida não se trata apenas de amor,
Não é uma novela nem um poema romântico...

Embora em seu todo, a vida também não valha
Algo mais importante que uma página escrita.
--------------
E somente palavras mesmo!Bom fim de semana a todos!!!!!(POW ainda é quinta!!!fazer o que???)
-----------------------------------------------------------------------------------------------

Um comentário:

Vivs disse...

Muito bom texto.
Às vezes, isso tudo é só falatório mesmo.
Beijos